BLOG
PAIOLZINHO

FIQUE POR DENTRO



Tradição familiar de verdade é passar conhecimento de pai pra filho. No nosso blog, a gente quer contar o que a gente sabe pra você aprender. E mais do que ler, aproveite para compartilhar com os parentes também!

#TUDO SOBRE QUEIJO



Saiba mais sobre o saboroso mundo dos laticínios, aventure-se em novas experiências culinárias, aprenda sobre os queijos e se inspire com a gente!

Publicado: 14 de Julho de 2021

Inspire-se

Como armazenar e conservar queijos corretamente?

O queijo é um alimento que muito provavelmente você sempre tem em casa. E é muito importante o armazenamento correto dele, isso influencia diretamente na durabilidade e no sabor do produto. E para sua conservação correta, deve ser avaliado o tipo do queijo.

Primeiramente, após a retirada da embalagem, o produto está sujeito à contaminação, o que pode alterar o sabor e a textura do queijo. O recomendado é transferi-lo para um recipiente plástico com tampa, ou envolve-lo em algum filme plástico e sempre conferir o período de validade no rótulo.

E com uma grande variedade de queijo, como eu sei qual a forma correta de armazena-lo?

Confira agora as orientações para cada tipo:

Queijos frescos como Minas e Frescal:
Esses queijos tem bastante umidade, por esse motivo, devem ser retirados da refrigeração apenas perto da hora de consumir e depois, devem retornar à geladeira o mais rápido possível. No caso específico do Minas Frescal, é aconselhável retirar o soro acumulado na embalagem. Os demais devem ser embalados em papel filme ou armazenados em recipiente fechado para não ressecar.

Queijos suaves como Prato, Mussarela, Gruyère e Gouda: É recomendado manter na embalagem original até o momento do primeiro consumo. Após abertos devem ser envolvidos em papel filme e consumidos em média até cinco dias. Caso o queijo esteja dentro do prazo de validade original e aparecer pequenos pontos de mofo na superfície, é possível retirar apenas os pequenos pontos de mofo superficial. O restante do queijo ainda estará próprio para consumo.

Queijos de mofo azul como Gorgonzola: Deve ser conservado na geladeira. Após aberto, deve ser envolto em papel filme ou alumínio. Essa é uma das maneiras de manter esse tipo de queijo cremoso e prolongar sua vida útil.

Queijos duros e maturados como Provolone e Parmesão: Deve ser mantido em local fresco e arejado, porém, se quiser uma conservação mais longa ou em dias de calor, pode ser mantido na geladeira. Para guardar, basta envolver em papel filme. Por se tratar de um queijo sem umidade, o prazo de consumo pode ser maior após serem abertos.

Queijos de mofo branco como Brie e Camembert: Após o primeiro consumo, esses queijos devem ser envolvidos novamente no papel branco original que veem embrulhados. Esse é um papel que protege e mantém intacta a crosta branca da superfície. Consuma entre 4 a 5 dias. É natural que o mofo branco se espalhe para a massa do queijo e também que ele vá ficando com um sabor mais forte.

Pegou as dicas? Agora é só armazenar corretamente e saborear cada pedacin do seu Queijo Paiolzinho.

VISITE NOSSO INSTAGRAM

@paiolzinho